O que é uma EVM? | Benefícios e tudo o que você precisa saber

Os apoiadores do Ethereum podem ter ouvido falar de EVM, ou Ethereum Virtual Machine, mas os defensores de outros blockchains podem não ter. O EVM é um dos fundamentos da rede Ethereum e como ela opera. É essencial para a realização de transações e pode ser literalmente referido como uma máquina virtual, como o nome sugere.

Ainda não está claro o que isso significa? Não se preocupe, vamos mergulhar em mais detalhes.

O que é EVM?

A Ethereum Virtual Machine (EVM) é uma rede que consiste em milhares de computadores interconectados e pode ser vista como um gigantesco computador descentralizado. A Máquina Virtual Ethereum é responsável por abrigar contas na rede Ethereum. O EVM tem a função computacional para todos os projetos no Ethereum.

Para que serve a Ethereum Virtual Machina?

Ethereum é o blockchain inicial que introduziu contratos inteligentes e programação para eles. O EVM não é apenas a parte do blockchain para execução de contratos inteligentes, mas também é onde os desenvolvedores criam aplicativos descentralizados (dApps) e garantem uma experiência perfeita para os usuários no registro distribuído.

O EVM é usado por cada nó Ethereum para preservar o consenso da blockchain.

Como funciona o EVM

Napster, LimeWire, BitTorrent, são exemplos mais rudimentares da Ethereum Virtual Machines. Depois que um arquivo é carregado nessas plataformas para que outras pessoas baixem e compartilhem, é quase impossível para as autoridades eliminar todos os arquivos de uma só vez sem extraí-los e excluí-los de cada computador vinculado às plataformas individualmente.

Image Source: https://ethereum.org/

O EVM foi introduzido para dimensionar essa rede descentralizada. Ethereum Virtual Machine é um facilitador entre os computadores e o código, realizando transações e suportando a linguagem de programação Solidity.

O EVM pode ser executado em qualquer local do mundo e pode acomodar diferentes sistemas operacionais e hardwares. O Ethereum Virtual Machine pode ser vista como o coração de toda a operação, garantindo que tudo funcione perfeitamente e sem paralisações.

Prós e Contras do Ethereum Virtual Machine

Ethereum Virtual Machine soa como algo que só produz vantagens para a blockchain Ethereum, como auxiliar na implantação de contratos inteligentes e garantir consenso na blockchain Ethereum. Embora forneça benefícios indiscutíveis, também existem algumas desvantagens.

Benefícios

  • Os desenvolvedores podem programar o código sem se preocupar com o impacto no restante do blockchain
  • Pode executar contratos inteligentes em vários ambientes de computação e manter o consenso
  • Uma única falha de nó não afeta o restante dos contratos inteligentes ou dApp
  • Escalabilidade sustentável
  • Mais e mais tecnologias em blockchain de camada 2 compatíveis com EVM estão surgindo

Desvantagens

  • Ethereum Virtual Machine não está imune aos altos preços do gás no blockchain ao executar contratos inteligentes e outras transações
  • A solidez é a linguagem de programação proeminente no Ethereum Virtual Machine (embora os contratos inteligentes sejam compatíveis com várias linguagens de programação, como Vyper e Yul), portanto, os desenvolvedores precisam ser adeptos dela.

O futuro do Ethereum Virtual Machine

Embora o Ethereum Virtual Machine tenha sido concebida em 2013 pelo fundador da Ethereum, Vitalik Buterin, ainda há muito potencial de crescimento. Não há dúvida de que o impacto que o EVM teve até agora foi amplamente positivo, as taxas de gás foram um grande problema no começo.

Como o EVM é uma tecnologia revolucionária e a interoperabilidade entre cadeias é tão importante agora no ecossistema, muitos blockchains compatíveis com EVM surgiram relatando ser mais baratos e mais rápidos que o Ethereum.

Embora isso possa ter sido verdade, desde a fusão em 2022 (a revisão do Ethereum no consenso de prova de participação), podemos ver ainda mais melhorias do Ethereum.

FAQ

O que alimenta o Ethereum Virtual Machine?

O Ehereum Virtual Machine é movida a gás na blockchain. Requer gás para executar contratos inteligentes e outras transações no sistema Ethereum.

Quais são alguns blockchains compatíveis com EVM?

Alguns exemplos de blockchains compatíveis com EVM além do Ethereum são Binance Smart Chain (BSC), Polygon, Avalanche, Fantom.

Conclusão

Pense na Ethereum Virtual Machine (EVM) como um programa mestre responsável pela execução de todos os programas menores, como contratos inteligentes individuais. O EVM garante uma operação suave dentro do livro-razão distribuído. É seguro dizer que é um avanço na interoperabilidade entre cadeias, com muito espaço para crescimento e otimização futuros.

Fonte: secuxtech.com

Compartilhe este artigo nas redes sociais

Veja outras categorias

Artigos relacionados

Reviews

Comparativo das Carteiras Trezor

As carteiras de hardware Trezor são dispositivos altamente seguros para o armazenamento de criptomoedas, desenvolvidas pela SatoshiLabs.

Este artigo é um comparativo entre os modelos Trezor Safe 3, Trezor

Leia mais